sábado, 7 de junho de 2014

Receita de Toucinho do Céu de Murça

Receita de Toucinho do Céu de Murça

divino!!

O toucinho do céu é um doce tradicional português, de origem conventual. O nome deve-se ao fato de a receita original ter banha de porco nos ingredientes e, sendo um doce criado nos conventos, seria, portanto, o Toucinho do Céu. Esta deliciosa sobremesa é feita à base de açúcar em ponto de pérola, amêndoas e uma grande quantidade de gemas. É um doce muito apreciado por todo o país, havendo algumas variantes regionais da receita – as receitas mais célebres são as de Guimarães, Murça e Trás-os-Montes. 
Essa receita, em específico, integra o riquíssimo legado gastronômico deixado pelas freiras beneditinas, que estiveram instaladas num mosteiro, em Murça, até o final do século XIX. Acredita-se que elas teriam sido as criadoras da receita original deste doce, que mais tarde se popularizou por todo o Portugal. Dentre as inúmeras receitas de toucinho do céu, a de Murça é uma das mais tradicionais e apreciadas.

Glossário: Doce de chila (gila) - O doce de chila (ou doce de gila) é feito a partir de uma abóbora com o mesmo nome, que se caracteriza por ter a casca verde e branca, sendo o seu interior branco e com sementes pretas.
Em Portugal, o doce de chila (ou gila) é muito utilizado em inúmeras receitas conventuais e tradicionais, estando marcadamente presente na doçaria alentejana.
Em algumas regiões do Brasil, a abóbora-chila é conhecida como melancia de porco ou melancia forrageira, uma vez que além da confeção do doce, é usada na alimentação de suínos e bovinos

Ingredientes

- 125 g de amêndoas moídas bem fininhas
- 125 g de doce de chila
- 2 colh. (sopa) de farinha
- 20 gemas
- 500 g de açúcar
- 1 xíc. de água
- açúcar de confeiteiro p/ polvilhar

Preparo

Em uma panela, coloque o açúcar + água e deixe ferver até obter ponto de fio (a calda correr em fios, sem grande resistência ).
Junte o doce de chila e deixe ferver mais 2 a 3 minutos.
Adicione as amêndoas moídas, que devem estar bem enxutas, e leve novamente ao fogo para fazer um ponto de estrada muito fraco (deve ver-se o fundo da panela  muito rapidamente quando se passa a colher).
Retire o doce do fogo e deixe esfriar um pouco. 
Junte as gemas, que vão engrossar um pouco, sem que no entanto o doce ferva. 
Deixe esfriar ligeiramente.
Unte e polvilhe uma forma redonda.
Espalhe 1 colher da farinha sobre o fundo da forma e despeje nela o doce.
Polvilhe a superfície do doce com a outra colher de farinha e asse em forno bem quente (200 a 250º C).
O toucinho do céu estará cozido quando lhe introduzir uma faca e esta sair quente e limpa. 
Deixe esfriar um pouco e desenforme.
Sacuda o excesso de farinha e polvilhe o doce com açúcar de confeiteiro.
Pronto!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...